Dicas para uma gravidez saudável

“Se alimente por duas” – Esqueça esse velho ditado, manter o peso durante a gravidez é sem duvida sinal de boa saúde.

Qual mulher que ao iniciar uma gravidez não se preocupa com o peso e saúde? Um dos principais receios da maioria é obter uma alimentação saudável, o que não significa de maneira nenhuma sair comendo de tudo.

Uma alimentação balanceada e rica em nutrientes é indispensável para saúde tanto do bebe quanto da futura mamãe. O aumento de

mantenha-se em forma mesmo na gravidez

peso é natural, indo de 8 a 12 quilos, sendo considerados estes, normais para uma gravidez segura e saudável. Fugindo essa regra, pode ser desconfortável tanto para a mãe, quando para o bebê, oferecendo sérios riscos há saúde de ambos.

Nessa fase é indispensável o acompanhamento tanto de um médico como também de um nutricionista especializado, pois é nesse período que a mulher precisa selecionar criteriosamente sua alimentação, balanceá-la e reforçar o consumo de nutrientes são essenciais.

Para cada fase da gravidez existe uma alimentação especifica, nos primeiros três meses por exemplo, a suplementação de ácido fólico (vitamina B9) é essencial para evitar problemas de má formação do feto.

É natural no decorrer da gestação alguns especialistas prescreverem suplementos alimentares, que auxiliam na prevenção de partos prematuros e nascimentos abaixo do peso. Evitando também infecções, anemia e proporcionando uma boa nutrição ao feto e prevenindo dificuldades na hora do parto.

Portanto é necessário salientar para jamais fazer uso de suplementos sem as devidas prescrições médicas, pois o excesso de determinados nutrientes pode prejudicar o bebê. A suplementação deverá ser acompanhada por um especialista, feita corretamente e individualizada, incluindo probióticos como leite fermentado e iogurtes, que auxilia no equilíbrio da flora intestinal aumentando a imunidade tanto da mãe como também do bebê.

Confira abaixo algumas dicas recomendada por profissionais para as futuras mamães desfrutarem de muita saúde:

  • Alimentar-se a cada 3 horas;
  • Evite o enjoo, tenha sempre por perto alimentos secos como polvilho e biscoitos;
  • Inclua em sua alimentação filé de peixe, que garante proteína para o bebê e auxilia na elasticidade da pele, evitando possíveis estrias;
  • Beba bastante água, principalmente nos últimos meses de gestação;
  • Jamais faça dieta por própria conta, procure um profissional especializado, isso ira garantir saúde tanto para a mãe quanto para o bebê;

Lembrando que uma dieta equilibrada acompanhada de exercícios físico, trás bem estar tanto para a mãe, quanto para a saúde do bebê, aumentando a circulação de oxigênio. Portanto nem pensar em parar com as atividades físicas. O correto é adaptar os exercícios a essa nova condição, procurando exercícios leves e muito alongamento que ajudaram a manter o equilíbrio, que será um incomodo no inicio pelo aumento da barriga.

Por Fábio Colatto, Jornalista

 

NOTA: O artigo acima escrito foi elaborado por especialistas do Corpo Ideal Suplementos e está protegido por lei dos direitos autorais. A cópia do mesmo acarretará crime conforme prescrito em lei.

Deixe seu comentário