Substitutos de refeição: os shakes para emagrecer

Chega de se aventurar em dietas milagrosas que podem prejudicar a sua saúde

Os suplementos alimentares substitutos de refeição são alimentos completos enriquecidos com nutrientes essenciais para uma boa saúde.

shakes para emagrecer

São bastante utilizados em dietas para emagrecimento, pois além de poucas calorias, contém baixo teor de carboidratos e gorduras e são ricos em proteínas, vitaminas e minerais.

Podem substituir até 2 refeições diárias, e estudos apontam que sua utilização correta (aliada a alimentos saudáveis e atividade física) reduz significativamente a gordura corporal, colesterol ruim, problemas cardíacos e glicemia.

Estudos realizados por pesquisadores da Universidade de São Paulo demonstraram que programas de emagrecimento que utilizaram os suplementos substitutos de refeição apresentaram melhores resultados que os programas com alimentação balanceada, mesmo utilizando alimentos de baixa caloria.

Isso se deve à formulação dos substitutos de refeição, que oferecem todos os nutrientes necessários com pouquíssimas calorias.

Além disso, o uso deste suplemento alimentar apresenta bons resultados não só para emagrecimento, mas também para a reeducação alimentar e controle do peso.

Porém é importante ressaltar que estes produtos variam não só no sabor, mas também na concentração dos componentes, o que interfere diretamente na qualidade do produto.

Os substitutos de refeição podem ser utilizados também para ganho de massa. Nesse caso, basta escolher um produto com maior quantidade de carboidratos.

A forma de ingestão também varia de acordo com o objetivo. Se a intenção é perder peso, substitua uma ou duas refeições pelo suplemento alimentar. Caso queira ganhar massa, complemente a alimentação com o substituto de refeição.

Por Thaís Bortolozzo | Jornalista | MTB: 65.045/SP

NOTA: O artigo acima escrito foi elaborado por especialistas do Corpo Ideal Suplementos e está protegido por lei dos direitos autorais. A cópia do mesmo acarretará crime conforme prescrito em lei.

Gostou? Compartilhe este post!

Deixe seu comentário