Na luta por mais massa muscular? Hacks que você precisa saber para continuar evoluindo nos seus treinos.

Claro que ir para academia cinco vezes por semana é ótimo e claro que você vai ser capaz de usufruir de milhões de benefícios que essa frequência e consistência nos seus treinos podem fornecer, porém, o que muita gente esquece de considerar é que a definição de loucura é fazer as mesmas coisas esperando diferentes resultados.

Isso quer dizer que mesmo que seus músculos tenham ganhado volume e você tenha ficado mais forte, permanecer no mesmo treino por tempo prolongado não te levará longe por muito tempo e atrasará seus ganhos de massa muscular.

Tudo isso tem uma explicação. Seu corpo! Vou simplificar. Já ouviu falar em homeostasia? Não? Homeostasia é, resumidamente, a tendência do organismo de buscar sempre o equilíbrio. Como isso se aplica nos seus treinos, é a resposta que você procura. Essa é fácil:

Lembrete – Seu corpo não quer mudar e, portanto, se você não obrigá-lo, ele sempre fará o possível para permanecer igual.

Por incrível que pareça, seu corpo não quer ganhar ou perder peso. Ganhar ou perder massa. Ele quer mesmo é que tudo continue em perfeita harmonia do jeitinho que está. Assustador, não é?

O corpo humano não muda, a não ser que seja forçado. Tradução? Quando passa a estar confortável e seus treinos não forem desafiadores, você acaba estagnado. Aquele famoso efeito platô. Para quem quer melhorar a composição corporal e evoluir sempre, isso pode ser um inimigo. Digo mais…GRANDE inimigo.

O que é uma carga progressiva e como ela me ajuda a construir massa muscular:

Carga progressiva é você estar sempre desafiando seu corpo, de maneira a força-lo a continuar a ganhar força, massa magra, volume e resistência. Resumindo, para ficar maior, melhor, mais forte, mais definido, seus músculos devem trabalhar sempre mais e com mais intensidade.
O conceito é simples, porém essencial para o seu desenvolvimento e progresso.
Lembre-se que isso não se aplica somente a musculação, mas a qualquer esforço físico. Se seu objetivo é melhorar seu sistema cardiovascular, seus exercícios aeróbicos terão que ser sempre mais intensos e mais desafiadores.
Pense o seguinte: se você sentir que está fácil e confortável, algo precisa mudar.

homem-massa-muscular

Exemplifiquemos:

Você faz três series de dez repetições no agachamento com 50kgs e desde então seus membros inferiores evoluíram. Você se sente mais forte, mais tonificado e até viu algum crescimento nos quadríceps. Porém você faz esse mesmo treino há dois meses, de duas a três vezes por semana.
Você ainda acha consideravelmente desafiador, mas completar dez repetições já ficou fácil. Você deve continuar fazendo esse mesmo treino? A resposta é não.
Se você continuar a performar o mesmo número de series, repetições e peso, não espere que você vá ficar mais forte ou ter ganhos significativos. Não tem motivos para o seus quadríceps crescerem. Eles já conseguem carregar aquele peso numa boa.

Coloquemos em prática:

Existem algumas maneiras que podem te tirar desse estágio e levar seu corpo a evoluir (quer queira, quer não). Abaixo listamos algumas:

1- Aumente a resistência.
Então aquela série com 50kgs está fácil, correto? Beleza. Aumente para 60. É bom dizer também que normalmente se aumentamos o peso, o numero de repetições cai. Isso é normal e totalmente aceitável, logo você vai ficar mais forte e será capaz de fazer o mesmo numero de repetições. É nessa hora que repetimos o processo.

2- Aumente o número de repetições.
Outra maneira de garantir que você saia do platô é aumentando o número de repetições. Cuidado com isso, porém. Estudos apontam que aumentar muito as repetições melhora a resistência, porém não faz muito por você quando se trata do tamanho dos seus músculos. Ideal é ficar na faixa de 8-12 repetições para maior proveito do seu treino.
Chegou em 12 e está fácil? Volte à dica número 1.

3- Aumente a frequência dos seus treinos.
Aumentar a frequência que você treina um grupo muscular pode te ajudar a conseguir aumentar os pesos mais rapidamente. Novamente, cuidado. Treinar demais sem o descanso apropriado para aquele grupo muscular, pode causar overtraining e dar o resultado contrário. Garanta intervalos de 48 horas entre um treino e outro, suplemente bem e coma adequadamente para que seus músculos se recuperem mais rápido e de maneira otimizada.

4- Diminua o tempo de descanso entre uma série e outra.
Fazer o mesmo trabalho em períodos menores de tempo vai permitir que seu metabolismo se torne mais eficiente, tratando-se de treinos anaeróbicos.

Como você pode ver, existem alguns métodos para garantir que seu corpo não fique confortável hora nenhuma e não deixe de construir massa muscular.
Todo treino deve contar, todo treino deve ser difícil, todo treino deve demandar seu máximo e prepara-se para ver resultados que realmente valem a pena.
Sabemos que a batalha por massa muscular e um corpo que nos deixe satisfeito é longa e árdua, mas eu te garanto que vale a pena.

Deixe seu comentário